Catequista

now browsing by tag

 
 
Posted by: | Posted on: setembro 29, 2012

I Simpósio de Animação Bíblica da Pastoral do Regional Sul I

A Comissão para Animação Bíblico-Catequética do Regional Sul 1 da CNBB realiza o “I Simpósio de Animação Bíblica da Pastoral”, entre os dias 28 e 30 de setembro, no Centro Pastoral Santa Fé, em São Paulo – SP, com a presença de catequistas e agentes de pastoral das dioceses que compõem o Regional.

O tema do Simpósio é: “Naquele que guarda a sua Palavra, o Amor de Deus é plenamente realizado” (1 Jo 2,5).

A abertura do Simpósio ocorreu ontem, dia 28/09 às 20h, com a presença de D. Vilson Dias de Oliveira, DC – Bispo referencial da Comissão para a Animação Bíblico-Catequética – CNBB/SUL 1, que saudou todos os presentes e falou sobre a animação bíblica de toda a Pastoral.

Em seguida, o Pe. Paulo Cesar Gil, coordenador da Comissão do Regional Sul 1, leu a mensagem enviada pelo Pe. Décio Walker, coordenador da Comissão para Animação Bíblico-Catequética da CNBB, que não pode comparecer por ter outro compromisso agendado anteriormente.

Para animar os participantes no espírito bíblico do Simpósio, todos foram convidados para acompanhar uma reflexão em forma de caminhada, com paradas em estações que representavam passos dados no caminho da Revelação de Deus. Essa caminhada foi encerrada na Capela com a leitura orante do texto de Lucas, 9, 18-26.

Posted by: | Posted on: setembro 10, 2012

O livro “Catequese e Fé” é lançado durante Congresso Teológico Nacional

No sábado, dia 08 de setembro, na PUC-PR, durante a realização do Congresso Teológico Nacional, o Pe. Paulo Cesar Gil e Regina Helena Mantovani lançaram o livro “Catequese e Fé: na alegria de crer e comunicar a Fé”, que foi publicado pela editora Vozes.

Esse subsídio destinado à formação oferece reflexões de aprofundamento sobre a fé com o objetivo de dar apoio e incentivar catequistas e agentes de pastoral a se tornarem testemunhas proféticas no serviço de evangelização, vivendo e agindo segundo a própria Fé e a identidade cristã.

Pe. Paulo Gil pertence à Arquidiocese de São Paulo, região episcopal de Santana e é coordenador da Comissão para Animação Bíblico Catequética do Regional Sul 1; e Regina Helena Mantovani é coordenadora da Comissão para Animação Bíblico Catequética do Regional Sul 2.

Prestigiaram o lançamento do livro a assessora nacional da Comissão Bíblico-catequética da CNBB, Cecília Rover e outros coordenadores e coordenadoras que participavam do Congresso.

Posted by: | Posted on: setembro 5, 2012

Lançamento do Livro “Catequese e Fé: Na alegria de crer e comunicar a fé

A Editora Vozes está lançando mais um ótimo subsídio para os catequistas e agentes de pastoral refletirem sobre a Fé, em especial neste momento em que nos preparamos para celebrar o ANO DA FÉ.

Este livro foi escrito pelo Pe. Paulo Cesar Gil e pela Regina Helena R. Mantovani, que muito têm contribuido na formação dos catequistas, com vários títulos publicados pela Vozes.

O livro oferece reflexões sobre a fé, dividido em quatro capítulos, para ajudar e motivar os catequistas e demais agentes evangelizadores a levarem adiante sua voz profética e sua prática corajosa frente aos desafios percebidos na caminhada do povo de Deus, mantendo o olhar fixo em Jesus Cristo, autor e “consumador da fé (Hb 12,2)

É uma obra que tem a intenção de suscitar nos catequistas a alegria de acolher a mensagem do evangelho, convidando-os a comprometer-se com o anúncio da Boa Nova e a se colocarem a serviço assumindo a sua missão de educador da fé em comunhão com a Igreja.

Esse livro será lançado final desta semana, entre os dias 7 e 9 de setembro, no Congresso sobre os Vinte Anos do Catecismo da Igreja Católica e o Ano da Fé, que acontece em Curitiba. E nós, do Blog da Catequese estaremos lá conferindo tudo e trazendo as notícias para os nossos seguidores.

Posted by: | Posted on: agosto 29, 2012

Oração de Oferecimento do Dia (para catequistas)

Foto cedida por PDPhoto.org

Senhor, me alegro ao iniciar um novo dia, pois sei que estás comigo e caminhas ao meu lado. Em prova do meu amor por ti, eu te ofereço o meu dia e me comprometo a viver dando testemunho do teu Evangelho.

Eu te ofereço todos os meus pensamentos, todas as minhas palavras, todas as minhas ações. Ofereço as minhas vitórias e também as derrotas, ofereço as alegrias e as tristezas, ofereço a minha caminhada e as dificuldades que encontrar no caminho. Ofereço a minha disponibilidade em servir ao Senhor, E a disposição em colocar-me a serviço dos irmãos. Agradeço pela minha vocação de catequista e ofereço a minha missão de evangelizar com o testemunho da minha vida.

Peço a tua proteção para que neste dia, não me desvie do teu caminho. E peço a tua bênção para que eu seja dócil ao Espírito Santo. Que neste dia, minha meta seja a construção do teu Reino, com compaixão e solidariedade, na luta pela justiça, na vivência da partilha e na busca da paz. Amém!

Posted by: | Posted on: agosto 26, 2012

Ser Catequista

Nos dias de hoje, em que as atividades para o sustento da família no dia a dia exigem mais dedicação e esforço de todos, dedicar tempo para um trabalho voluntário é uma questão que desafia as pessoas. Nas nossas comunidades, muitas vezes nos deparamos com aqueles que dizem que gostariam de se dedicar aos trabalhos pastorais, mas lhes falta tempo, pois o trabalho lhes consome todo o tempo disponível.

Porém, também há nas comunidades pessoas que apesar de trabalhar duro para sustentar a família, sempre encontram um tempo para se dedicar ao serviço pastoral. E é graças a essas pessoas que as comunidades podem manter viva a pastoral e a missão de evangelizar.

Entre essas pessoas que são tão dedicadas, hoje vamos prestar nossa homenagem especial àquelas que se dedicam à catequese. Catequistas de norte a sul, de leste a oeste deste país tão grande e de tanta diversidade cultural, que sabem inculturar a catequese na realidade do povo, anunciando o Evangelho de Jesus com a própria vida.

São milhares de pessoas, na grande maioria gente simples, de pouco estudo, de todas as idades, muitas vezes com condições de vida precária, mas que se dedicam à missão de educar na fé com grande amor e dedicação. E a catequese exige muita dedicação.

Ser catequista não é opção pessoal, é chamado! Catequistas são pessoas chamadas por Deus e enviadas pela comunidade, que vai educar na fé aqueles que desejam seguir os passos de Jesus na comunidade católica. Por esse motivo, devem ser imagem viva de Jesus no meio do povo.

A Catequese é um ministério e ser catequista é ser ministro e ministra da Palavra.  Não basta querer ser catequista, mas é preciso ter vocação, um chamado que não parte da vontade pessoal, mas é a vontade de Deus, de Jesus que toca o coração e faz arder nele a chama da vocação que move montanhas e abre caminhos. E é essa chama que transforma a vida das pessoas. A comunidade reconhece essa luz, por isso a envia como sua representante para educar seus membros.

A Catequese é a missão primordial da Igreja e ser catequista é manter viva essa missão. Assim, catequistas de todos os cantos, até dos mais longínquos, merecem o nosso agradecimento e o reconhecimento da comunidade pelo serviço pastoral essencial a que se dedicam.

A Editora Vozes e o Blog da Catequese quer dizer a todos os catequistas: Parabéns pelo seu trabalho, pela sua dedicação, pelo seu exemplo de vida. Vocês são os olhos, os braços e as mãos de Jesus na comunidade cristã. Vocês dão vida à evangelização. PARABÉNS CATEQUISTAS!

Posted by: | Posted on: agosto 23, 2012

Mensagem aos Catequistas do Regional Sul 1

Limeira, 14 de agosto de 2012.

Queridos Catequistas das Arquidioceses e Dioceses do Regional Sul 1, reunidos em concentração,  ou assembleia na celebração do “Dia dos Catequistas”. Que a paz do Cristo esteja com vocês! Quero, em nome de nossa Comissão, saudá-los e parabenizá-los pela bonita e importante missão que desempenham na ação evangelizadora da Igreja.

O mesmo objetivo da ação evangelizadora nos une: Continuar a missão iniciada por Cristo. E Ele mesmo disse: “Ide fazer discípulos entre todas as nações e batizai-os em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Ensinai-lhes a observar tudo o que vos tenho ordenado. Eis que estou convosco todos os dias, até o fim dos tempos” (Mt 28, 19-20).

O catequista é, antes de tudo, um discípulo e missionário de Jesus Cristo. Por isso, procura viver na sua proximidade e intimidade. Nossa catequese deve propiciar este encontro com Jesus através da partilha da Palavra, dos momentos de oração e da vivência fraterna. A fé, mais do que um conjunto de conhecimentos é, antes de tudo, um encontro com o nosso Mestre e Senhor. É nesta relação amorosa que os catequizandos precisam aprender e viver.

O amor por Cristo leva os catequistas a seguir a sua mensagem numa comunidade fraterna. Mesmo se a fé é uma decisão pessoal, ela só cresce na convivência com os outros. A experiência de uma comunidade de fé e de amor é fundamental para quem quer ser discípulo/a de Jesus. A catequese não pode ser vivida de maneira isolada, mas na sua comunidade, que é fonte, lugar e meta da catequese.

O zelo apostólico do catequista o leva a ser missionário. Não podemos guardar para nós o tesouro que recebemos. Num mundo marcado por tanto problema de linha ideológica e religiosa precisamos anunciar e testemunhar Jesus Cristo, cujo conhecimento é a plena realização do ser humano. O Papa Bento XVI, nos recorda que os catequistas são colaboradores competentes dos bispos e merecedores de confiança, e também não são simples comunicadores de experiência de fé, mas devem ser autênticos transmissores das verdades reveladas (cf. Discurso aos bispos do Brasil).

Mais do que nunca, a nossa catequese é chamada a transformar a realidade na qual vivemos. Neste período em que antecede a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) é preciso lançar luzes para que nossos jovens sejam bem acolhidos e evangelizados em nossas comunidades. A catequese deve lançar as luzes da fé sobre as angústias e as esperanças de nossa juventude e do mundo de hoje. A verdadeira fé nunca se acomoda, mas vive na esperança que outro mundo é possível.

Parabéns a vocês Catequistas, e que Deus os mantenha firmes neste ministério, pela intercessão de Maria, Mãe de Jesus e nossa Mãe! Receba um fraterno abraço de toda a Equipe de Coordenação da Comissão para a Animação Bíblico-Catequética, do Regional Sul 1. Cristo é a nossa paz!

Dom Vilson Dias de Oliveira, DC – Bispo da Diocese de Limeira e Pres. Da Comissão para a Animação Bíblico-Catequética do Regional Sul 1.