Estudo do Livro da Sabedoria – para o “Mês da Bíblia”

Posted by: | Posted on: junho 4, 2018

No período entre 2016 e 2019, conforme proposta do Documento de Aparecida, a nossa Igreja está aprofundando a segunda parte da proposta pastoral: “Ser Discípulos Missionários de Jesus Cristo, para que nele nossos povos tenham vida”. O tema central durante estes quatro anos é sempre o mesmo: “em defesa da vida”. Seguindo essa proposta, em 2018, o tema central é “A Sabedoria em defesa da Vida”.

Eis o esquema do Mês da Bíblia nesses quatro anos:

* 2016: A Profecia em defesa da vida – livro do profeta Miqueias

* 2017: A Comunidade em defesa da vida – 1ª carta os Tessalonicenses

* 2018: A Sabedoria em defesa da vida – livro da Sabedoria

* 2019: O Amor em defesa da vida – 1ª carta de São João

Assim sendo, em 2018, o tema específico é: Para que n’Ele nossos povos tenham vida – Livro da Sabedoria”; e o lema é: “A Sabedoria é um espírito amigo do ser humano” (Sb 1,6). Ou seja, a Sabedoria é uma expressão da amizade de Deus por nós, seres humanos. O livro da Bíblia que vai nos ajudar no aprofundamento deste tema é o livro da Sabedoria.

O livro da Sabedoria, está entre os textos escritos já no final do período do Antigo Testamento, num momento fundamental do diálogo entre o judaísmo e a cultura grega. Neste sentido, ele é um bom predecessor do NT. Por isso, a sua língua é o grego e pertence aos chamados livros Deuterocanônicos, por se encontrar apenas na Bíblia grega e, consequentemente, não entrar nem no Cânon judaico (da Bíblia hebraica) nem, mais tarde, no Cânon das igrejas protestantes.

Atribuído a Salomão em algumas versões e manuscritos antigos, o livro da Sabedoria é certamente da responsabilidade de um autor anônimo bem distante de Salomão no tempo, que não poderá situar-se para além do ano 50 a.C. (entre 150 e 50 a.C.). Isso manifesta-se nos indícios de caráter literário e histórico. A atribuição do livro a Salomão, nos cap 6-9, e só implicitamente, deve-se ao facto de a tradição bíblico-judaica situar este rei na origem do gênero literário sapiencial, o que faz dele o Sábio por excelência (7,1-21; 8,14-16; 9; ver 1 Rs 3,5-9; 5,9-14; 10,23-61). Provavelmente, o autor foi um judeu de Alexandria, no Egito – onde residia uma forte comunidade judaica – que utilizou o pseudônimo. Como fruto dessa comunidade, o livro está marcado culturalmente por uma forte influência helenista.

O autor conhece, por um lado, a História do seu povo e a fé num Deus sempre presente e pronto a intervir nela; e por outro, sente a forte atração que as principais filosofias helenísticas e as diversas religiões exercem na vida dos seus irmãos de raça e de fé. Por isso, tenta estabelecer o diálogo entre fé e cultura grega (6-8), de modo a sublinhar que a sabedoria que brota da fé e conduz a vida dos israelitas é superior à que inspira o modo de viver dos habitantes de Alexandria. Com este livro, o autor dirige-se, pois, a dois destinatários diferentes: aos judeus de Alexandria, direta ou indiretamente perseguidos pelo paganismo do ambiente; e aos próprios pagãos, sobretudo aos intelectuais helenistas, mais abertos à cultura hebraica, intentando, porventura, convertê-los ao Deus verdadeiro.

ESTRUTURA E CONTEÚDO

Esta proposta de vida, assente na revelação de Deus, manifestada na História e no mundo criado, é desenvolvida em três partes:

I. A Sabedoria e o destino do homem (1,1-5,23): descreve-se a sorte diversa dos justos e dos ímpios, à luz da fé; sendo a justiça imortal (1,16), Deus reserva a imortalidade aos justos.
II. Elogio da Sabedoria (6,1-9,18): origem, natureza, propriedades e dons que acompanham a sabedoria (7,22-8,1), como personificação de Deus (ver Pr 8; Sir 24); elogio da sabedoria, elevando-a acima dos valores mais apre­ciados neste mundo.
III. A Sabedoria na História de Israel (10,1-19,22): descreve-se a presença e a atividade da sabedoria em toda a História do povo de Israel com especial incidência sobre o Êxodo (11,1-19,17), em forma de midrache e de contrastes, que caracterizam o estilo desta terceira parte (11,4-15,19; 16,1-4.5-14.15-29; 17,1-18,4; 18,5-25; 19,1-21). Mas o autor também manifesta conhecimentos profundos de outros livros: Gênesis, Provérbios, Ben Sira e Isaías. Merece um relevo especial a brilhante polêmica contra a idolatria.

A Congregação do Verbo Divino, que anualmente promove encontros de formação com enfoque no livro escolhido para o Mês da Bíblia, preparou cinco vídeos que nos possibilitarão ter uma visão melhor sobre o Livro da Sabedoria. Esses vídeos, distribuídos pela Verbo filmes, poderão ser utilizados nos encontros de formação do mês de setembro, e também nos encontros de Catequese para o Mês da Bíblia. São esses vídeos que compartilhamos com vocês. Para aprofundar o tema vocês poderão adquirir o Texto base do Mês da Bíblia, publicado pela CNBB; ou o material que o Centro Bíblico Verbo preparou como formação para esse Mês da Bíblia: 

1. “A Sabedoria é um espírito amigo do ser humano” (Sb1,6): Caminho para a justiça e a vida. Entendendo o livro da Sabedoria. Paulus: 2018.

2. Bíblia Gente: introdução e roteiros para encontros (material adquirido no Centro Bíblico Verbo e nas lojas da Paulus).

 

 

 

 





29 Comments to Estudo do Livro da Sabedoria – para o “Mês da Bíblia”

  1. Estou ouvindo e estudando o tema do Mês da bíblia para este ano de 2018.
    Do que já ouvi, percebi a riqueza deste material.
    Vou tentar aproveitar e passar a outras pessoas para que aproveitem também.

  2. pe josé dos passos da silva disse:

    Meu agradecimento sincero por este excelente serviço de animação bíblica. Estou aproveitando para o estudo em minha paróquia. Iconha, ES.

    • Maria Aparecida de Cicco disse:

      Pe. José, ficamos sinceramente contentes em poder auxiliá-lo em sua missão e na formação em sua comunidade. Nos colocamos à sua disposição para entrar em contato conosco quando precisar. Abraços Fraternos.

  3. Elizabeth Erlacher Ramos disse:

    Material excelente. Deus nos dê a graça de fazer a vontade do Pai!

  4. ivani aparecida barbosa marques disse:

    gostei muito deste material, já trabalho na minha paroquia levando o curso bíblico para as comunidades e não sabia que existia um material que ajudaria a aprimorar o meu conhecimento .sou grata.

  5. Que riqueza este material.
    Que bem para a Igreja vocês fazem, disponibilizando um conteúdo tão consistente para a formação de nossos agentes de pastoral.
    Como catequeta, só posso me alegrar com este bonito trabalho.
    Sou coordenador de pastoral do colégio jesuíta São Francisco Xavier, em São Paulo. Usarei este conteúdo para a formação de nossa equipe.
    Um abraço!

    • Maria Aparecida de Cicco disse:

      Glauco, tenho a impressão que já nos conhecemos de algum lugar. Seu nome não me é estranho. Meu nome é Maria Aparecida de Cicco, sou a gestora do Blog da Catequese Vozes, e exerço o meu ministério de catequista na Paróquia salesiana de Santa Terezinha, na zona norte de São Paulo. Cursei a Faculdade de Teologia com os dominicanos, na EDT. Fiquei muito contente com o seu comentário. A nossa missão é justamente disponibilizar material de qualidade para a formação de catequistas e agentes de pastoral. Nas grandes cidades sempre há mais possibilidade de formação, mas nas comunidades mais longínquas a realidade é bem diferente, por isso nos preocupamos com a formação. Agradeço pelas suas palavras. Abraços.

      • Glauco Félix Teixeira Landim disse:

        Olá Maria Aparecida, boa tarde!
        Eu fui salesiano e exerci o ministério sacerdotal entre 2012 e 2017. Neste período, celebrei na Paróquia Santa Teresinha algumas vezes e, entre 2012 e 2015 fui o delegado para a animação catequética da Inspetoria Salesiana de São Paulo. Pode ser que tenhamos nos encontrado em alguma missa ou em alguma formação para catequistas.
        Atualmente, como leigo, sou coordenador de pastoral do Colégio São Francisco Xavier (Ipiranga), pertencente à Rede Jesuíta de Educação.
        Se eu puder contribuir ou ajudar em algum momento na parte de formação, assessoria ou mesmo com a confecção de algum texto, estou a disposição.
        Escreva para mim para que possamos trocar contatos.
        Conte comigo!
        Grande abraço!

  6. Felipa Maria de A. Silva disse:

    Material rico para compreendermos a sabedoria divina e nos possibilitar fazermos o paralelo entre a sabedoria humana. Vou aproveitar para transmitir esta riqueza às comunidades de minha Paróquia.

    • Maria Aparecida de Cicco disse:

      Que bom Felipa Maria, estamos contentes em ver que tantas pessoas gostaram e estão aproveitando para transmitir esse estudo. É isso que nos faz acreditar no valor do nosso trabalho. Obrigada!

  7. Ana Cristina dias de Oliveira Camargo disse:

    Um estudo maravilhoso. Parabéns.

  8. Ir. Helena Maria Barbosa disse:

    Amei o material.É tão difícil a gente encontrar material sobre Bíblia. Geralmente se encontra muito material feito pelo os evangélicos. Obrigada Pelo conteúdo.

  9. marilia soares disse:

    muito bom

  10. maria das graças de sena disse:

    NOSSA… Amei o material ,muito bom.

  11. Bom dia a paz de Jesus e o amor de Maria. Quero me cadastrar neste site como faço?Gostei do artigos quero esta por dentro de tudo que acontece aqui.Obrigado

    • Maria Aparecida de Cicco disse:

      Maria Inês, temos tido um problema com os cadastramentos. Mas não precisa se cadastrar, você pode acompanhar o nosso Blog por meio da nossa página no facebook. Basta procurar BlogDaCatequeseVozes. Então, para que o facebook sempre encaminhe a você as nossas postagens, é só curtir a nossa página, clicando no botão curtir que fica abaixo da foto de capa da página. E depois, sempre curtir e fazer algum comentário nos posts que compartilhamos, pois a nova forma de seleção do facebook é feita por aquilo que curtimos e comentamos. Sempre que faço uma postagem nova no Blog da Catequese, eu compartilho o link na nossa página no facebook.

  12. Antonio Jose Rodrigues Dangtas disse:

    Maravilhoso este conteúdo do livro da sabedoria, muito importante para o nosso aprofundamento, o os videos bem explicativos, gostei e amei, muito obrigado por me proporcionar um estudo tão importante para o meu estudo bíblico.

  13. MARINEUSA PIRES disse:

    Que riqueza de material! Oriento um grupo de estudo bíblico na minha paróquia e estou muito feliz de ter encontrado aqui uma diretriz para a minha atuação dentro do grupo.

  14. Ariosto Raposo de Medeiros disse:

    Participo de círculo biblico. Estáva preocupado com. Esse tema. Deus nos dá sabedora. Esse material de vocês me ajudou bastante. Fiquem com Deus.

  15. CARLA MAGDA BARROSO ALMEIDA disse:

    Boa-noite! Gostei muitíssimo de todo o material e pretendo usá-lo nos nossos encontros com a Catequese de Perseverança. Riqueza de conteúdo, fornecido de forma muito simples e agradável. Que Deus abençoe cada um de vocês! Grande abraço!

  16. CLÉRIA BALDO disse:

    Deus os abençoe por nos proporcionar este material, a comunidade católica tem sede de aprendizado bíblico. Amanhã começaremos o estudo deste livro e já vou esclarecida com muitas informações.Obrigada. Quando puderem façam mais vídeos. Abraço a todos.

  17. Magali disse:

    Muito bom mesmo
    Estou como coordenadora de catequese aqui em Santo André enviei o material para ajudar nossos catequistas para reflexão e montarmos u.a feira bíblica regional
    Este material me ajudou muito no entendimento do livro da sabedoria
    Obrigada continue. Com este trabalho maravilhoso

  18. Ednalva Bento de Jesus disse:

    A Paz eu gostaria de baixa os vídeo mais não consigo por o vídeos são bons. E fácil de comenta agradeço pois muito bom

  19. Luciano Adversi disse:

    Agradeço imensamente os vídeos introdutórios sobre o livro da Sabedoria do Centro Bíblico Verbo. Temos usado no início de cada encontro nas comunidades de nossa paróquia. Há uma comissão de leigos estudantes na graduação em Teologia e já formados em Teologia Pastoral, atuando na formação paroquial trabalhando de modo simultâneo em cada comunidade paroquial. Nos sentimos beneficiados e agradecidos por compartilharem conosco tal conhecimento bíblico. Muito obrigado.
    Fraternalmente,
    Pe. Luciano Adversi
    Paróquia Santa Luzia – Nova Iguaçu – RJ

    • Maria Aparecida de Cicco disse:

      Pe. Luciano, nós agradecemos pelas suas palavras. Nosso objetivo é mesmo auxiliar a formação de catequistas e agentes de Pastoral, por isso estamos sempre atentos na busca de matéria que possa enriquecer essa formação. Parabéns pelo belo trabalho que o senhor está fazendo em sua paróquia. Abraços fraternos. Paz e bem!

  20. Isabela Andrade disse:

    Parabéns pela excelente matéria!

  21. Isabela Andrade disse:

    Parabéns pela excelente matéria!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *