Regional Sul 1

now browsing by category

 
Posted by: | Posted on: outubro 21, 2011

Pista da Ação Comum – 33ª Assembléia das Igrejas do Regional Sul I da CNBB

O Documento
abaixo, com as Pistas de Ação Comum da 33ª Assembléia
das Igrejas do Regional Sul I da CNBB, nos foi enviado
por Dom Vilson Dias de Oliveira, DC –Bispo
Diocesano de Limeira
CONFERÊNCIA
NACIONAL DOS BISPOS DO BRASIL

33ª
Assembleia das Igrejas Particulares do Regional – Sul 1

Itaici,
Indaiatuba-SP, 14 a 16 de outubro de 2011

«Conversão Pastoral
e Implicação na Nova Evangelização, à luz das
Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja do
Brasil»

Pistas
de ação comum para Conversão Pastoral e a Nova
Evangelização, à luz das Diretrizes Gerais da Ação
Evangelizadora (DGAE) da Igreja no Brasil (2011 – 2015)
A 33ª
Assembléia das Igrejas do Regional Sul 1 – CNBB aponta
as seguintes pistas comuns de ação, a partir da rica
experiência de partilha e de reflexão realizadas. As
pistas são apresentadas na ordem de preferência dos
grupos, e relacionadas com as urgências apontadas nas
DGAE:
1 –
Missionariedade

Na linha da primeira urgência
das DGAE, uma Igreja em estado permanente de missão,
a Assembléia ressalta o valor indispensável do
testemunho da comunidade eclesial, com atenção às
seguintes ações concretas:

  • Presença eclesial
    junto a grupos humanos, juventude, profissionais
    liberais e condomínios;
  • Ecumenismo e
    diálogo inter-religioso;
  • Santas Missões
    Populares, Sistema Integral de Nova
    Evangelização;
  • Projeto igrejas-Irmãs;
  • Projeto
    Missionário Sul 1 – Norte 1.
2 –
Palavra de Deus

Na linha da terceira urgência
das DGAE, Igreja: lugar de animação bíblica da vida
e da pastoral
, a Assembléia ressalta a necessidade
de valorizar a Palavra de Deus, as suas diversas formas
de proclamação, e a formação, com as seguintes
indicações práticas:

  • Círculos Bíblicos,
    CEBs, Grupos de Reflexão, Grupos de Estudo –
    Escola da Palavra/Fé;
  • Criação de
    subsídios;
  • Leitura Orante/
    Lectio Divina/Oficio Divino;
  • Formação de
    Ministros da Palavra;
  • Incentivar o I
    Simpósio da Animação Bíblica, previsto para
    setembro de 2012.
3 –
Iniciação à Vida Cristã

Na linha da segunda urgência das
DGAE, Igreja: casa de iniciação à vida cristã, a
Assembléia ressalta a necessidade de construir
comunidades fraternas e acolhedoras, que cuidem com
atenção especial de:

  • Processos de
    iniciação cristã, com uma catequese de
    inspiração catecumenal, acentuando o aspecto
    celebrativo, em dinâmica permanente de
    encantamento pelo Cristo e pelo Reino;
  • Catequese
    permanente/Mistagogica;
  • Retiros
    Querigmáticos;
  • Formação de
    leigos e leigas;
  • Formação dos
    seminaristas, presbíteros e Coordenadores
    Diocesanos de Pastoral.
4 –
Setorização e a Renovação das Paróquias

Na linha da quarta urgência das
DGAE, a Assembléia ressalta a necessidade de
renovação das paróquias, para que sejam expressões da
Igreja: comunidade de comunidades”, apontando
as seguintes ações concretas:

  • Pastoral Orgânica
    e de Conjunto;
  • Setorização;
  • CEBs, pequenas
    comunidades, Grupos de rua;
  • Ministérios
    confiados a leigos e leigas;
  • Estruturas de
    Comunhão – Conselhos  (Pastoral, Econômico,
    Leigos…);
  • Pastoral da
    Acolhida;
5 –
Juventude

A Assembléia deu um destaque
especial à juventude, ressaltando a necessidade de
retomar a evangelização da juventude, com as seguintes
indicações concretas:

  • Organizar e animar
    o Setor Juventude, repensando as estruturas do
    trabalho com jovens, tendo como referência o Doc.
    85 da CNBB;
  • Garantir o espaço
    para os jovens nas comunidades como sujeitos da
    missão evangelizadora;
  • Missões jovens;
  • Atividades nas
    escolas e universidades;
  • Investir na
    oportunidade da  Jornada Mundial da Juventude
    (JMJ 2013).
6 –
Pastoral Social

Na linha da quinta urgência das
DGAE, Igreja a serviço da vida plena para todos,
a Assembléia deu destaque especial à defesa da
dignidade humana e às pastorais sociais, indicando as
seguintes ações concretas:

  • Pastoral Familiar;
  • Pastoral da
    Ecologia: Educar para a preservação da natureza
    e para a ecologia humana;
  • Pastoral social e
    política dos cristãos (Participação nos
    Conselhos Municipais);
  • Pastoral
    Universitária/Educação;
  • Pastoral da
    Comunicação: dinamizar a PASCOM para
    desencadear um processo de comunicação interna
    (gerando comunhão nas pastorais) e externa (marcando
    presença nos espaços de decisão);
  • Formação na
    Doutrina Social da Igreja;
  • 5ª Semana
    Social Brasileira.

33ª Assembléia das Igrejas
do Regional Sul 1 da CNBB

Itaici, 14 a 16 de outubro de
2011