Pastorais

now browsing by category

 
Posted by: | Posted on: agosto 16, 2017

Vocação à Vida Consagrada

A Vida Religiosa Consagrada

Com a expressão Vida Religiosa Consagrada nos referimos a certos cristãos – homens e mulheres – que vivem uma forma especial de seguimento a Jesus Cristo. Vivem em comunidade. Cultivam a oração. Meditam a Palavra de Deus. E participam na missão evangelizadora da Igreja, com especial atenção aos que foram os preteridos de Jesus; pobres, enfermos, pequenos…Os que abraçam essa forma de vida, não casam, vivem pobremente, e obedecem a regra e constituições próprias do Instituto a que pertencem.

Olhando mais de perto. A Vida Religiosa é uma forma de pertença a Deus e a Cristo, uma adesão amorosa ao Evangelho e ao Reino de Deus. Pode parecer estranho, mas a iniciativa dessa escolha não é da pessoa, mas de Deus. A pessoa sente-se chamada, atraída, envolvida pelo amor de Deus que a solicita. E a certa altura a pessoa se dá conta que esse amor é tudo, vale tudo, merece tudo, está acima de tudo. E então “se rende”. Entrega-se, deixa-se conduzir, coloca-se ao seu dispor: “Senhor, que queres que eu faça?” Read More …

Posted by: | Posted on: agosto 11, 2017

Riquezas da Família

Frei Almir Guimarães

Introduzindo

  • Quem respeita sua mãe é como alguém que ajunta tesouros. Quem honra seu pai terá a alegria com seus próprios filhos e no dia em que orar, será atendido.
  • Esposas sede solícitas com vossos maridos, como convém, no Senhor. Maridos, amai vossas esposas e não sejais grosseiros com elas. Filhos, obedecei em tudo aos vossos pais, pois isso é bom e correto no Senhor. Pais não intimideis a vossos filhos para que eles não desanimem.
  • Jesus crescia em sabedoria, estatura e graça diante de Deus e dos homens.

Riquezas escondidas
1. Com todo respeito e carinho abeiramo-nos do mistério de nossas famílias. Ali borbulha a vida. Ali a criação continua. Ali se traça o futuro da humanidade. Ali, o Evangelho é anunciado em primeiríssimo lugar. Há riquezas escondidas no seio de nossas famílias. Sabemos que não poucas famílias vivem momentos de transformação para o melhor ou para o pior. Apesar de todas as turbulências, o que elas ainda podem oferecer ao mundo de hoje e à nossa sociedade?
Read More …

Posted by: | Posted on: agosto 11, 2017

Vocação Matrimonial

Toda pessoa tem uma vocação, isto é, um chamado de Deus para se realizar e ser feliz, no conjunto dos viventes. E não uma vocação qualquer, mas vocação ao amor e à santidade. Deus não chama uns para a perfeição e outros para a mediocridade. O que Deus faz é sempre perfeito. Assim é que, por diferentes caminhos, ou diferentes estados de vida (casado, solteiro, consagrado ou sacerdote), todos são chamados à santidade e à plenitude da caridade.

Para quem tem fé, o matrimônio também é vocação: um chamado de Deus ao dom de si no amor recíproco e aberto à vida. Quem não tem fé, não tem como sentir-se chamado – pois desconhece o Interlocutor divino que o chama – nem tem a quem responder. Mas, na fé, sentimo-nos chamados por Deus a um caminho e a uma plenitude que só ele pode dar. Read More …

Posted by: | Posted on: agosto 3, 2017

Vocação Sacerdotal!

Professor Felipe Aquino

Jesus chamou para apóstolos “aqueles que Ele quis”, depois de passar a noite em oração. A Igreja viu nisso o chamado ao sacerdócio e também às outras formas de vida religiosa. É Jesus quem chama o jovem à vida sacerdotal, o que não é fácil. A vida religiosa exige muitas renúncias para ser “todo de Deus”, estar a serviço do Seu Reino para a edificação da Igreja e a salvação das almas.

A palavra “vocação” vem do latim vocare, que quer dizer “chamar”. Deus põe no coração do jovem esse desejo de servi-lo radicalmente, indiviso, full time, em tempo integral, sem divisão. Para discernir esse chamado divino, o jovem precisa, sem dúvida, de um bom orientador espiritual, um padre ou um leigo experiente para ajudá-lo. Penso que alguns sinais indicativos da vocação de um jovem ao sacerdócio ou à vida religiosa sejam esses: Read More …

Posted by: | Posted on: agosto 1, 2017

A Primeira Vocação é o chamado à Vida!

“Antes mesmo de te formar no ventre materno, eu te conheci; antes que nascesses, eu te consagrei …” (Jer 1,5)

Eu não pedi para nascer! … Muitas vezes essa frase está na boca de adolescentes e jovens que acreditam ser responsabilidade dos pais o seu nascimento e, por isso, terem direito a tudo.

No entanto, nossos pais são apenas instrumentos de transmissão da vida, escolhidos por Deus para continuar a sua obra criadora e dar à luz aqueles que Ele mesmo chamou à vida.

Certamente essa colaboração dos pais, e de modo particular da mãe para com Deus precisa de consentimento, pois se, a exemplo de Maria, nossa mãe não tivesse dado o seu “SIM”, talvez fôssemos abortados, e ninguém sentiria falta de nós, nem poderia notar a nossa ausência. Read More …

Posted by: | Posted on: julho 31, 2017

AGOSTO: “MÊS VOCAIONAL”

No Brasil, o mês de agosto é dedicado às Vocações. E quando falamos em vocação, estamos falando do chamado que cada ser humano recebe para escolher seu caminho de vida. Ao longo da vida recebemos diferentes chamados. O chamado primordial é o de “ser humano”, isto é, de viver de acordo com a natureza humana que recebemos do Criador. E dentro do chamado a “ser humano” também há o chamado à fé e à espiritualidade, que são próprias do ser humano. Além disso, há o chamado à dedicação da própria vida. Há aqueles que escolhem dedicar a vida na criação e cuidado de uma família, há outros que preferem dedicá-la ao serviço sacerdotal; outros ainda optam por dedicá-la ao serviço missionário ou ao serviço da caridade. Enfim, há muitas vocações, e todas emanam de Deus Pai.  

Assim, durante o mês de agosto, as comunidades promovem momentos de oração, meditação e ação em prol das diversas vocações humanas. Read More …

Posted by: | Posted on: julho 19, 2017

FAMÍLIA CRISTÃ: IGREJA DOMÉSTICA

Artigo de Frei Nilo Agostini

O Papa Francisco, ao escrever às famílias, em preparação à Assembleia geral extraordinária do Sínodo dos Bispos, a realizar-se em outubro próximo, lembrou que a próxima Assembleia Sinodal é toda dedicada à Família. Pediu o necessário e significativo apoio das orações de todos e destacou o seguinte: “Na verdade, esta Assembleia sinodal é dedicada de modo especial a vós, à vossa vocação e missão na Igreja e na sociedade, aos problemas do matrimônio, da vida familiar, da educação dos filhos, e ao papel das famílias na missão da Igreja”(1). Existe, sim, uma “contribuição indispensável do matrimônio”(2), como explicitou o Papa na Evangelii Gaudium, que aqui identificaremos como educadora da fé e evangelizadora, no importante espaço evangelizador no qual se constitui a família. Read More …

Posted by: | Posted on: julho 19, 2017

Catequese de Iniciação à Vida Cristã: Uma experiência de fé, amor e testemunho

Iniciação é muito mais do que adquirir conhecimentos sobre alguma coisa. É um mergulho numa vivência especial, que faz a pessoa passar a “ser” (não apenas “saber”) algo que atinge todos os aspectos de sua vida”.1

Quando falamos sobre “Catequese de Iniciação à Vida Cristã”, estamos falando de um processo de inserção na vida, no Evangelho de Jesus Cristo, uma inserção que crie uma verdadeira identidade cristã.

As pessoas que escolhem “ser cristão”, na busca por um caminho de vida, impulsionadas pelo kerigma (primeiro anúncio), têm o direito de fazer a experiência do seguimento e da misericórdia de Cristo.

É preciso olhar para Jesus, com quem tudo começou, “que foi enviado pelo Pai para revelar o seu plano de amor e, assim, mostrar o que de fato significa a vida que nos foi dada2. Não um olhar de fora, apenas para torna-lo conhecido, mas um olhar de “coração”, aquele olhar de encantamento que conquista, que arrebata, que gera cumplicidade.

“…formar cristãos não é simplesmente alimentar hábitos de tradição cultural. Está em jogo uma opção total de vida, uma escolha do Caminho, da Verdade e da Vida, revelada em Jesus”3. A Catequese deve despertar nas pessoas a ânsia por uma opção derradeira e irrevogável que imprima a marca da identidade cristã com a brasa do Espírito Santo, e as leve a assumir o caminho de Cristo como único caminho viável e confiável. Read More …

Posted by: | Posted on: julho 14, 2017

A Catequese como envolvimento no Mistério

Compartilhamos com vocês mais um artigo que foi postado pela revista “Catequese Hoje” há cinco anos atrás, em outubro de 2012, mas que se apresenta atualíssimo. Este artigo é de autoria do Pe. Valdecir Luiz  Cordeiro, da Arquidiocese de Porto Velho.

“A Catequese como envolvimento no Mistério”

Zaqueu – Pe. Geraldo Lacerdine, sj

Catequese e vivência da fé cristã devem ser compreendidas como duas faces de uma só realidade. Isto porque a mensagem cristã, que cumpre à Igreja viver e transmitir às novas gerações, tem duas linguagens intimamente relacionadas entre si. Por um lado, a linguagem conceitual dos textos e formulações dos dogmas, de fundamental importância para dar precisão à mensagem e evitar ambiguidades. Por outro lado, a linguagem vivencial e simbólica que promana da vida da comunidade, da liturgia, da vida dos santos, do empenho dos cristãos por um mundo mais humano, tão importante para conferir sabor e credibilidade à mensagem cristã. Linguagens que convém distinguir, mas nunca separar. Read More …