A quem se destina a Salvação?

Posted by: | Posted on: agosto 18, 2010

O Encontro Catequético que vamos propor, a partir do Evangelho escrito por Lucas 13, 22-30, destina-se a adolescentes e jovens, mas poderá ser adaptado para adultos. Essa dinâmica de catequese litúrgica, é apropriada à catequese de iniciação cristã que busca uma educação na fé que leve à conversão e seja transformadora.

Como já dissemos anteriormente, é ideal que o Encontro aconteça na semana posterior à celebração dominical onde o Evangelho é lido e refletido.

Antes de iniciar a preparação do Encontro, o/a catequista deve dedicar algum tempo para refletir sobre o texto do Evangelho, mergulhando nele para trazer à tona o que é essencial. Para isso, na página REFLEXÃO, publicamos uma proposta de leitura orante do texto, com o título: Reflexão do Evangelho escrito por Lucas 13,22-30; essa reflexão foi publicada em 17/08/2010, e também um artigo de Dom Paulo Mendes Peixoto, Presidente da Comissão para a Animação Bíblico Catequética do Regional Sul I da CNBB, entitulado “Lugar à mesa“.

Encontro Catequético: Evangelho dominical, dia 22 de agosto de 2010, Lc 13,22-30

   Preparação:

Arrumar uma sala para o encontro, que tenha uma porta estreita, e colocar alguns móveis no caminho (cadeiras, bancos, etc.) dificultando a entrada. Esse local deve ser preparado com duas mesas, uma menor com poucas cadeiras, outra maior sem cadeiras em volta. Arrume algumas cadeiras em volta da sala, mas longe das mesas. Na mesa pequena coloque pratos, copos e talheres, deixando pronta para alguém sentar-se e fazer uma refeição. Na mesa grande não coloque nada. Em local a parte, fora da visão das pessoas, deixe outras cadeiras (em número suficiente para todos), uma toalha grande para ser colocada na mesa maior, pratos, copos e talheres suficientes para todos (tudo pode ser descartável), e também um bolo bem gostoso ou bolachas recheadas e suco ou refrigerante (em quantidade que dê para servir todos que estiverem no encontro)

   Objetivo do Encontro:

O tema do encontro é a Salvação, e este tem o objetivo de mostrar aos catequizandos que a fé não pode se restringir aos momentos que estamos na Igreja, rezando e celebrando, mas ela deve se estender à vida, levando à transformação das estruturas injustas da sociedade, que geram a marginalização e a exclusão.

   Acolhida:

Iniciar o Encontro em outro lugar, na capela ou em outra sala arrumada para a oração inicial, com a bíblia, velas e flores. Fazer um momento de oração, convidando todos a contribuirem com sua oração pessoal. Depois convidá-los a tomar um lanche gostoso na sala que foi preparada para isso. O catequista deve ir na frente, e entrar primeiro, abrindo a porta sem escancará-la para que todos entrem, e deve observar, sem dizer nada, o modo como se comportam aqueles que entram. Prestar atenção em quem ajuda os demais, retira os móveis e objetos que estão na frente da porta, cede a vez para outro, e também quem é afoito, quer entrar antes que os outros e escolhe o melhor lugar, senta-se logo na mesa arrumada.

Quando todos estiverem acomodados, preparar a mesa grande, que está vazia e sem cadeiras, com a toalha, flores, pratos, copos, guardanapos, talheres. Colocar as cadeiras em volta e convidar aqueles que ajudaram os outros a entrar, que deram seu lugar a outro, e que ficaram por último na entrada, para que se sentem em torno dessa mesa, até que todos estejam sentados. Então, começar a distribuir o bolo gostoso ou as bolachas recheadas e o suco, para quem está nessa mesa. Na outra mesa, que já estava pronta quando eles entraram, se alguém correu para sentar nela primeiro, ou se alguém empurrou os outros para entrar e não ajudou ninguém, todos esses devem ficar sentados ai. Para estes servir apenas pão ou bolacha de água e sal.

 Refletindo:

Depois que todos forem servidos, peça que digam o que aconteceu, como foi a entrada na sala, como foi a atitude de cada um e qual foi o resultado. Deixar que cada um expresse o que sentiu ao entrar.

Olhando para dentro:

Fazer a leitura do Evangelho. Deixar que pensem por alguns minutos sobre o que Jesus diz. Perguntar o que entenderam. Fazer um paralelo entre o que aconteceu na sala e o que o Evangelho diz. Mostrar o que Deus espera de cada um, como se deve agir pra merecer participar do banquete que Deus prepara para todos.

Rezando:

Convide todos a fazerem uma oração, cada um deve falar sobre o que sentiu diante da Palavra de Deus e da experiência vivida, e qual o compromisso que assume, para viver no seu dia a dia.

Vivendo a fé:

Peça que cada um escreva no seu diário catequético, o que aprendeu e o compromisso que vai assumir na sua vida. Depois, convide todos a comer, trocando o pão pelo bolo e servindo suco para todos.