3º Encontro da Novena de Pentecoste

Posted by: | Posted on: maio 16, 2012

(Para ser realizado no dia 20 de maio, domingo)

Santificado seja o vosso nome

Acolhida e oração inicial

(Depois de acolher os participantes da novena, pode-se iniciar com um cântico).

A – Vamos iniciar esta novena invocando a Santíssima Trindade. Que nossos pensamentos sejam como os pensamentos de Deus Pai. Que nossos sentimentos sejam como os sentimentos de Jesus e que o nosso agir seja guiado pelo Espírito Santo:

T – Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém!

A – Nesta preparação para a festa de Pentecostes, queremos, em oração, ficar bem unidos com Nosso Senhor Jesus Cristo. Que o Espírito Santo nos dê a conhecer o rosto de Deus, fonte do amor e da bondade.

T – Vinde, Espírito Santo! Ensinai-nos a reconhecer a face de Cristo em nossos irmãos e irmãs. Vinde, Pai dos pobres, doador dos dons, luz dos corações. Fazei com que nossa oração nos aproxime mais do vosso  mistério de amor.

Deus nos convida

A – Antes de fazer qualquer coisa Jesus se colocava em oração e invocava a bênção de Deus-Pai, para, em seguida, agir guiado pelo Espírito Santo.

T – Com a intimidade de Filho amado, Jesus chamava a Deus de “Abbá” que quer dizer: Paizinho.

A – Jesus veio ao mundo para nos mostrar o quanto Deus está próximo de nós e nos ensinar a viver o amor a Deus e aos irmãos.

T – Jesus dá início a uma nova fase da história, pois só através dele conhecemos a verdadeira face de Deus.

A – Em toda sua vida Jesus revelou a face do Pai. Ele mesmo disse: “Quem me vê, vê o Pai que me enviou”. Seu amor e sua bondade revelavam a presença de Deus, pois, onde está o amor, Deus aí está.

T – Ensinai-nos, Senhor, a mostrar a santidade do vosso nome, vivendo o amor, única forma de revelar a vossa presença.

A Palavra nos orienta

A – Pela boca de Zacarias o Espírito Santo fez ecoar palavras que revelam a grandeza do amor que Deus tem por nós.

T – Em cada pessoa que busca viver a fé, Deus renova sua presença na face da terra.

Cântico de aclamação ao Evangelho

Proclamação do Evangelho (Lc 1, 68-79)

Reflexão

A – Zacarias canta os motivos que temos para glorificar a Deus. Ele proclama o amor infinito de Deus que nos enviou seu próprio Filho para ser nosso Salvador.

T – “Bendito seja o Senhor, Deus de Israel, porque visitou seu povo e o libertou”.

L1 – Encantado com a graça de poder contemplar o Filho de Deus, Zacarias canta, bendizendo a Deus pelo que já fez na história e pelo que Deus vai realizar por meio do seu Filho que veio morar entre nós.

T – Deus é Santo, é perfeito no amor, e quer que todos nós sejamos santos também.

L2 – Quando, na oração do Pai-Nosso, fazemos o segundo pedido: “Santificado seja o vosso nome”, não estamos pedindo que o nome de Deus seja santificado pelas nossas orações, mas pedimos que o seu nome seja reconhecido como santo em todos os lugares.

T – Nós fomos santificados pelo batismo, por isso, devemos perseverar nesse caminho em que já demos os primeiros passos.

L3 – E Deus quem nos santifica. E ele que nos dá a graça de viver na sua presença e buscar crescer em santidade e amor. Santo Afonso, bispo e doutor da Igreja, ensina em seus escritos que toda santidade de uma pessoa consiste em amar a Jesus Cristo. Só o amor é o caminho possível para vivermos o chamado de Deus:

T – “Sede santos, porque eu sou santo”.

L4 – O Apóstolo São Paulo diz-nos que fomos santificados pelo nome de Nosso Senhor Jesus Cristo e pelo Espírito do nosso Deus. Portanto, santificar o nome de Deus é conservar, em nós, essa graça divina que do próprio Deus recebemos.

T – Quem vive com Cristo e se deixa guiar pelo Espírito Santo, faz com que o nome de Deus seja santificado entre nós.

A – Ajudai-nos, Senhor, a conservar em nós a graça da Santidade que recebemos pelo batismo. Que sejamos um só corpo e um só espírito, para a glória do vosso santo nome.

A partilha nos enriquece

1 – Segundo o nosso entendimento, o que significa ser santo?

2 – O que podemos fazer para que o nome de Deus seja santificado entre nós?

Cântico

A oração nos fortalece

A – Quando somos guiados pelo Espírito Santo, somos bondosos, compreensivos e fraternos. Confiantes na bondade de Deus, peçamos a graça de ter no coração os mesmos sentimentos que animaram a vida de Nosso Senhor Jesus Cristo:

L1 – Pelo Papa, pelos nossos bispos, pelo nosso pároco e por todas as pessoas que exercem alguma atividade na Igreja, para que santifiquem o nome de Deus, deixando-se guiar pelo Espírito Santo, rezemos:

T – Aumentai, Senhor, nossa capacidade de amar, para que seja santificado o vosso santo nome.

L2 – Por todos os jovens de nossa comunidade, para que sigam, com fé e confiança, o caminho do bem apontado por Nosso Senhor Jesus Cristo, rezemos:

L3 – Por todas as crianças, para que encontrem nas famílias um ambiente de amor e compreensão, favorecendo o crescimento no amor a Deus e aos irmãos, rezemos:

L4 – Por todas as pessoas que receberam o Sacramento do Batismo, para que vivam a fé com alegria e assim revelem ao mundo a santidade de Deus, rezemos:

(Outras preces da comunidade)

A – Ajudai-nos, Senhor, a viver com dignidade a nossa fé, sendo compreensivos na família, sendo amigos no trabalho e na escola, sendo atenciosos com quem precisa de nós, trilhando o caminho da santidade e santificando o mundo, pelo poder do vosso Santo Nome. Rezemos:

T – Pai nosso que estais nos céus…

Maria caminha conosco

A – Maria soube santificar o nome de Deus, pois, em tudo ela soube revelar o amor e a bondade do Criador de todas as coisas. Ela acolheu o Filho de Deus e fonte de toda santidade.

TEnsinai-nos, ó Maria, a acolher Cristo em nossas vidas.

L1 – Na Anunciação do Anjo, Maria ficou perturbada, sem saber o que estava para acontecer, mas confiou em Deus. Ela acolheu a ação do Espírito Santo em sua vida para que se realizasse a vontade do Pai do céu.

T – Ensinai-nos, á Mãe querida, a confiar sempre em nosso Deus.

L2 – Na visita a Isabel Maria já cantou, com alegria, a sua confiança em tudo o que Deus iria realizar no mundo, através de seu Filho Jesus. Ela anunciou, sob o impulso do Espírito Santo, o plano maravilhoso de salvação que Deus tem para todos nós.

T – Dai-nos, é Mãe, a vossa coragem e a vossa fé, para que possamos santificar o nome de Deus em toda a terra.

A – Com Maria queremos aprender a confiar em Deus e a fazer sempre a sua vontade.

TO desejo de Deus é que vivamos como irmãos, na santidade e na paz.

Oração final 

A – Nós vos agradecemos, Senhor nosso Deus, porque em vossa infinita bondade nos dais a graça de viver tão perto de vosso coração.

T – Ficai conosco, Senhor, pois longe de vós, nada poderemos fazer.

A – Queremos ser como Jesus, reparador dos estragos provocados pelos pecados.

T – Queremos ser sol e chuva para todos, sem perguntar se merecem, mas unicamente se precisam.

A – Fazei com que nosso coração seja um novo Sacrário, morada de

Nosso Senhor Jesus Cristo, e que nosso corpo seja um templo do Espírito Santo.

T – Guardai-nos de todo o mal, Senhor, e acompanhai nossos passos pelos caminhos que nos levam à feliz eternidade.

Ave Maria…, Glória ao Pai…

(Confirmar sempre o local e o horário da próxima novena).





Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *