SÍMBOLO DO BLOG DA CATEQUESE

Featured

novo logo do Blog da Catequese

BLOG DA CATEQUESSE

O Blog da Catequese é um veículo de comunicação, formação e apoio a catequistas que, por vocação, buscam valorizar a missão que receberam e enriquecer o seu discipulado.

SIMBOLOGIA DO NOSSO LOGO 

O logo do Blog da Catequese apresenta: Duas mãos representando as mãos dos catequistas, sempre prontas a se doarem a serviço do anúncio do Evangelho. Essas mãos formam um coração acolhedor que tem a cruz no centro. A cruz representa Cristo como guia de um coração aberto para acolher o próximo.

Há no logo também a simbologia dos sacramentos de iniciação na vivência cristã: a Cruz – sinal do Batismo; o círculo branco – representação da Eucaristia; e a forma das mãos, como asas, representando o Espírito Santo – representação do Crisma.

Além do símbolo, adotamos o slogan: Catequista por Vocação – identificação do nosso Blog, que atua na Catequese como missão, chamado a apoiar o trabalho catequético e valorizar os catequistas que assumem essa vocação.

Este é o jeito da Editora Vozes valorizar todos aqueles que dedicam suas vidas ao ministério da Catequese. O Blog da Catequese, criado com o único objetivo de apoiar os catequistas em sua missão, busca levar até os mais distantes cantinhos do nosso país a riqueza que há na difusão da Catequese. E na Comunidade do Blog da Catequese Vozes, no Facebook, compartilha as notícias e informações cotidianas da nossa Igreja. Faça parte dessa comunidade acessando e curtindo a página pelo link que fica na barra lateral deste Blog.

Celebração do 14º Domingo do Tempo Comum

jesus-en-la-sinagogaNo Evangelho do próximo domingo, 14º Domingo do Tempo Comum, Marcos nos fala das muitas dificuldades que Jesus encontra em sua missão entre os seus. Pelo fato de ser simples e não querer privilégios, sofre rejeição. Revelar que Deus é humilde é um escândalo para os que querem poder. Certamente Jesus mexeu com os sentimentos mais profundos de vaidade do ser humano. Os caminhos da simplicidade encontram ainda hoje muitas barreiras. Fama e poder são muito mais atraentes e tende facilmente a nos desviar da proposta trazida por Jesus.

A celebração do 14º Domingo do Tempo comum foi enviada por D. Vilson Dias de Oliveira, DC – Bispo da Diocese de Limeira. Podem acessá-la no link abaixo:

Celebração do 14º Domingo do Tempo Comum – ano B

Dar crédito

Jesus na sinagogaPelo “caminhar da carruagem”, no dizer do ditado popular, não está fácil acreditar na identidade das pessoas. Estamos assistindo um cenário desolador. A corrupção está por todo lado, fazendo do Brasil um país marcado por uma cultura em plena decadência moral e ética. É pena que isto esteja acontecendo, porque a autoestima do povo também vai minando e perdendo de vista a esperança.

Há uma pertinente rejeição da Palavra de Deus como perfil de conduta ética. O próprio Deus da vida vai sendo deixado de lado. As referências de fé estão sendo abandonadas com muita facilidade. As consequências disso não têm sido boas, causando desânimos e dificuldades na condução dos compromissos de vida. Todos os brasileiros sofrem e têm que enfrentar os desafios cotidianos. Continue lendo

Solenidade de São Pedro e São Paulo, Apóstolos – 13º Domingo do Tempo Comum

PEDRO E PAULOCelebramos neste domingo a solenidade dos apóstolos Pedro e Paulo. É uma celebração antiquíssima, anterior mesmo à festa do Natal. Dois seguidores de Cristo, dois apóstolos, dois mártires, com diferenças claras, como relata a escritura (cf. At 15; Gl 2. 11-14), porém unidos pelo evangelho de Jesus Cristo

“São duas oliveiras diante do Senhor, brilhantes candelabros de esplêndido fulgor” (hino do Ofício das leituras). Embora tenham sido martirizados em dias diferentes, deram o mesmo testemunho. Pedro foi à frente; Paulo o seguiu.

Neste dia, com o coração agradecido, louvemos ao Senhor por esses dois apóstolos que foram por Cristo consagrados. São colunas da Igreja e lavaram as vestes do sangue do Cordeiro. 

Neste domingo, também se comemora o Dia do Papa, com pregações e orações que traduzem amor, veneração, respeito e obediência ao Vigário de Cristo na terra, Cabeça da Santa Igreja universal (Diretório Litúrgico da Igreja do Brasil).

Assim sendo, rezemos especialmente pelo Papa Francisco. Sua missão é zelar para que a Igreja permaneça unida, fiel a Jesus Cristo e a seu projeto, realizando com humildade e coragem, uma ação, evangelizadora, cada vez mais inculturada, profética e aberta a todos.

A Celebração da Solenidade de São Pedro e São Paulo, enviada por D. Vilson Dias de Oliveira, DC – Bispo da Diocese de Limeira, está em PDF, no link:

Solenidade de São Pedro e São Paulo – ano B

EVANGELIZAR – Tema de um encontro

Esse é um tema que pode ser usado em muitos tipos de formação. Ele é inerente à formação de sacerdotes e diáconos, mas também à formação de catequistas e agentes de pastoral. Da mesma forma, é adequado à catequese de jovens e adultos, seja na preparação para os Sacramentos da Iniciação Cristã (Batismo, Penitência, Eucaristia ou Crisma), como na preparação ao Matrimônio, pois é missão primordial de todo cristão dar testemunho de Jesus Cristo, por toda a sua vida. E isso é evangelizar!

Por isso, a historinha que colocamos aqui é um instrumento perfeito para ilustrar esse tema. Ela poderá ser apresentada para reflexão:

  1. nos encontros de catequistas para mostrar como um catequista deve agir com seus catequizandos;
  2. nos encontros com os pais para mostrar como eles devem educar seus filhos na fé;
  3. na catequese de crisma para mostrar aos catequizandos como viver a missão;
  4. nos encontros de noivos e na catequese de pais e padrinhos que se preparam para batizar crianças, para mostrar qual é o compromisso que assumem.

Use e abuse dessa história, ela é uma história real, mas lembre-se de ler primeiro, reler, refletir, meditar e fazer um bom exame de consciência antes e, se necessário, transformar a própria vida, para não ser questionado/a ou acusado de falar uma coisa e fazer outra. Continue lendo

História de São João Batista

Apresentar a história dos santos, principalmente daqueles que são pilares da nossa fé e da nossa Igreja é sempre muito importante para a catequese.

A história de São João Batista faz parte da história bíblica, faz parte da história de Jesus. E uma boa forma de apresentar essa história é com um desenho animado, pois isso atrai a atenção das crianças e adolescentes. Nos dias de hoje, dispor de um computador com acesso à internet é muito importante para a catequese, pois isso dá a possibilidade de utilizar os recursos de vídeo que encontramos em tantos sites.

História de São João Batista

O Bom Combate

Os apóstolos Pedro e Paulo tiveram o mesmo propósito de vida e chegaram e um mesmo fim, isto é, o martírio, por causa de Jesus Cristo. Pedro, natural de Betsaida na Palestina, morreu pregado numa cruz de cabeça para baixo, e Paulo, de Tarso na Turquia, foi decapitado. Esses dois fatos aconteceram na cidade de Roma, onde estão sepultados em basílicas diferentes.

Os dois apóstolos são considerados colunas ou alicerces vivos do edifício espiritual da Igreja. Cristo disse a Pedro: “Tu és Pedro, e sobre esta pedra construirei a minha Igreja” (Mt 16,18). Paulo de Tarso foi o grande missionário e comunicador da Palavra de Deus: “Homens de Israel e vós que temeis a Deus, escutai!” (At 13,16). Eles representam a instituição Igreja e sua missão no mundo. Continue lendo

Celebração do 12º Domingo do Tempo Comum

Neste 12º Domingo do Tempo Comum, o evangelista Marcos continua sua narrativa, revelando quem é Jesus. No Evangelho de hoje Ele se revela como o Senhor das forças da natureza e acalma a tempestade que amedronta seus discípulos.

Em meio às tempestades e perigos da vida, a Palavra do Senhor nos enche de confiança e nos faz renovar a fé em sua presença permanente. Mesmo que os ventos sejam contrários, Ele está no meio de nós, indicando caminhos, nos dando segurança nos momentos de temor.

A Celebração enviada por D. Vilson Dias de Oliveira, DC – Bispo da Diocese de Limeira, está disponível em PDF no link abaixo:

Celebração do 12º Domingo do Tempo Comum – ano B

ENCÍCLICA “LAUDATO SI”

capa-laudato-si-3«Que tipo de mundo queremos deixar a quem vai suceder-nos, às crianças que estão a crescer?»  Este interrogativo é o âmago da Laudato si’, a aguardada Encíclica ecológica do Papa Francisco.

O nome foi inspirado na invocação de São Francisco  «Louvado sejas, meu Senhor», que no Cântico das Criaturas recorda que a terra «se pode comparar ora a uma irmã, com quem partilhamos a existência, ora a uma mãe, que nos acolhe nos seus braços». Agora, esta terra maltratada e saqueada se lamenta e os seus gemidos se unem aos de todos os abandonados do mundo.

No decorrer de seis capítulos, o Papa convida a ouvir esses gemidos, exortando todos a uma «conversão ecológica», a «mudar de rumo», assumindo a responsabilidade de um compromisso para o «cuidado da casa comum».

O Pontífice se dirige certamente aos católicos, aos cristãos de outras confissões, mas não só: quer entrar em diálogo com todos, como instrumento para enfrentar e resolver os problemas.

O texto que está acima é do site da Rádio Vaticana, que apresenta e disponibiliza a Encíclica “Laudato si” – a Encíclica ecológica do Papa Francisco que foi lançada hoje, dia 18 de junho de 2015, e que nós colocamos aqui à disposição de todos os nossos seguidores, para que leiam, reflitam e compartilhem com outras pessoas.

O arquivo está em PDF, para facilitar que seja salvo em seu computador e até mesmo que seja impresso, facilitando também portá-lo para ler onde for melhor, sem a necessidade de ter um computador a mão. Para baixar basta clicar no link:

Encíclica “Laudato si” – Papa Francisco

Preocupações pertinentes

el-mundo-del-caosParece que o mundo está no caos. Existem muitas ondas se lançando fortemente contra o barco, que pode perder o equilíbrio e afundar, provocar grande desastre e com consequências incorrigíveis. Muitos estão perdendo o rumo e matando muita gente. Isso está acontecendo no mundo da educação, com decisões que causam preocupações aos pais e educadores conscientes de sua missão. Continue lendo