ROTEIRO DE ORAÇÃO NA VIDA DIÁRIA – para AGOSTO de 2016

Featured

O Papa Francisco, falando sobre a leitura da Palavra, nos disse:

“O Evangelho é palavra de vida: não oprime as pessoas, ao contrário liberta… O Evangelho muda o coração, muda a vida, transforma as inclinações ao mal em propósitos de bem. O Evangelho  é capaz de mudar as pessoas!

Recordai-vos sempre de que o Evangelho tem a força de mudar a vida! Não vos esqueçais disto. Ele é a Boa-Nova, que transforma unicamente se nos deixarmos transformar por Ele. Eis porque vos peço sempre que tenhais um contato diário com o Evangelho, que o leiais todos os dias, um trecho, uma passagem, que o mediteis e que o leveis convosco por toda parte … alimentai-vos todos os dias nessa fonte inexaurível de salvação. Não vos esqueçais!” (Papa Francisco)

Para auxiliar na disposição de atender a esse pedido do Papa Francisco, disponibilizaremos a vocês o Roteiro de Oração na vida Diária – todos os meses de 2016 – preparado pela comunidade jesuíta ANCHIETANUM. Continue lendo

CURSO DE FORMAÇÃO: ITINERÁRIO CATEQUÉTICO

Featured

itinerario-catequeticoestudo-cnbb-97Estimados(as) Catequistas, vamos compartilhar com vocês um excelente Curso de Formação para catequistas, que tem por base o ESTUDO DA CNBB nº 97 e o livro da Comissão Episcopal Pastoral para a Animação Bíblico-Catequética da CNBB “ITINERÁRIO CATEQUÉTICO“.

Este curso foi preparado e disponibilizado em vídeo pela Arquidiocese de Campo Grande em parceria com a Comissão Episcopal Pastoral para a Animação Bíblico Catequética. São nove vídeo-aulas com duração de, aproximadamente, 1 hora cada uma. São aulas bem didáticas, com apresentação de slides em datashow e com assessores capacitados. É um material precioso para todas as comunidades, principalmente aquelas que têm dificuldade de encontrar pessoas para dar uma formação desse gabarito aos catequistas. Continue lendo

SEIS ANOS DE CAMINHADA DO BLOG DA CATEQUESE

Gente, parece que foi ontem e no entanto já se passaram seis anos. Para nós foi uma experiência muito gratificante. Fizemos novas amizades, conhecemos pessoas incríveis, pudemos partilhar nossa experiência com gente que vive tão longe, em locais que nem mesmo conhecemos ou ouvimos falar.
Comemorando estes seis anos de companheirismo, só temos que agradecer. Agradecer pela confiança, pois vocês acreditaram no nosso trabalho e apoiaram este projeto;agradecer pelo companheirismo, pois vocês estiveram ao nosso lado, nos bons e nos maus momentos, como há um ano atrás quando tivemos que enfrentar sérios problemas de saúde na família; pelo incentivo, pois os comentários, as mensagens e os e’mails que recebemos são sempre um alento na nossa caminhada; e pela cooperação de todos, pois todas as vezes que vocês curtem e principalmente, compartilham nossas postagem, vocês estão nos ajudando a crescer e chegar mais longe.
Por tudo isso queremos dizer: CATEQUISTA, MUITO OBRIGADO!
Que Deus retribua cada curtida, cada comentário, cada post compartilhado, com bênçãos e graças.
É assim que dá seu testemunho quem é “CATEQUISTA POR VOCAÇÃO”.
E nós desejamos a vocês um caminho de flores. Elas representam as nossas orações por vocês.

Tríduo em preparação ao Dia do Catequista e Peregrinação à Porta Santa da Misericórdia

logo do tríduo de catequistasNo próximo domingo, vamos celebrar o “Dia do Catequista” e muitas Dioceses promoverão a peregrinação de catequistas à Porta da Misericórdia. Pensando nesses dois momentos importantes para a caminhada tanto dos catequistas, quanto das comunidades paroquiais catequizadoras, preparamos um tríduo de oração para estes dias que antecedem o “Dia do Catequista”, buscando colaborar no aprofundamento da reflexão sobre a Vocação e Missão de catequistas.

O Tríduo poderá ser feito em grupo ou individualmente; Em três encontros ou em 1 dia de retiro em três momentos, por exemplo, na véspera da peregrinação. Na Igreja ou nas casas de catequistas. O mais importante é dedicar algum tempo para preparar a celebração do Ano da Misericórdia dos Catequistas.

O tema do Tríduo é “Catequista por Vocação” e o lema: “Não fostes vós que me escolhestes, mas fui eu que vos escolhi”. (Jo 15,16)

As orações de cada dia serão postadas em PDF, separadas, para facilitar.

CLIQUE AQUI para abrir o TRÍDUO DE PREPARAÇÃO DO DIA DO CATEQUISTA – 1º Dia

CLIQUE AQUI para abrir o TRÍDUO DE PREPARAÇÃO DO DIA DO CATEQUISTA – 2º Dia

CLIQUE AQUI para abrir o TRÍDUO DE PREPARAÇÃO DO DIA DO CATEQUISTA – 3º Dia

“Todos são chamados a união com Cristo”

Reflexão do Padre Gerson Schmidt - para a Radio Vaticano: 
Memória Histórica – 50 anos do Concílio Vaticano II

“A constituição Dogmática Lumen Gentium é a chave de leitura para todos os outros documentos do Concilio Vaticano II. Sem dúvida é o documento a mais importante do concilio Vaticano II, que fala do mistério da Igreja, sua missão para a salvação da humanidade. Aponta, no número três, uma afirmativa importante: “Todos os homens são chamados a esta união com Cristo, luz do mundo, do qual vimos, por quem vivemos, e para o qual caminhamos” (Lumen Gentium, 3). 

Essa afirmativa cristológica, de que todos são chamados à unidade com Cristo, não acontece de maneira abstrata, mas concretamente na Igreja, que é universal, por isso, chamada de católica. Mais precisamente, a unidade com Cristo, se dá numa comunidade cristã concreta, numa paróquia, num grupo local de vivência cristã, onde se vive o amor e a unidade, e – diz a Lumen Gentium – em torno da Eucaristia. E mesmo que nem todos participem da mesa eucarística, é por meio dela que é significada e realizada a unidade entre os fiéis. “Pelo sacramento do pão eucarístico é significada e realizada essa unidade”(cf. Lumen Gentium, 3). Continue lendo

Celebração do 21º Domingo do Tempo Comum – Assunção de Nossa Senhora

Neste 21º domingo, a liturgia nos convoca para celebrar a solenidade da Assunção de Nossa Senhora. Maria é apresentada como a mulher grávida que carrega em seu seio a vida divina para vencer o dragão e impedir que este governe o mundo. Maria, a grávida do Apocalipse, é a nova arca da aliança, é a depositária da bênção de Deus, é a nova humanidade, da qual Jesus é a primícia, o primeiro. Celebramos também a vocação para a vida consagrada: religiosos(as) e consagrados(as) seculares que, assim como Maria, derem o seu sim ao chamado de Deus e responderam a esse chamado colocando a própria vida a serviço do Reino de Deus.

A Celebração deste domingo, enviada por D. Vilson Dias de Oliveira, DC – Bispo da Diocese de Limeira – está em arquivo PDF, no link abaixo.

CLIQUE AQUI para abrir a Celebração do 21º Domingo do Tempo Comum – Assunção de N. Sra.

 

Experiência de fé

Dentro da pedagogia litúrgica da Igreja, no terceiro domingo de agosto, celebra-se a vocação à vida religiosa. Pertencer a uma congregação religiosa não deixa de ser uma experiência de fé, tendo como ícone, a Mãe de Deus, Maria, a primeira a experimentar a fé, servindo a Jesus Cristo. A assunção de Maria reflete as consequências de quem coloca a vida como serviço desinteressado pelo irmão.

“Feliz aquele que teme o Senhor!” (Eclo 34,17). Não só Maria, a Mãe de Jesus, mas muitos vivenciaram a fé em Deus de forma incondicional. Essa prática continua hoje, mesmo que seja com formas das mais diversas possíveis. O importante é a consciência da entrega, da responsabilidade e da doação. Chegamos até a existência dos mártires da época moderna, os que não abrem mão da verdade. Continue lendo

Celebração do 20º Domingo do Tempo Comum

Neste 2º domingo de agosto, mês vocacional, celebramos o Dia dos Pais. Vocação por excelência, que remete à paternidade de Deus Pai, fundada no amor que gera vida e a faz florescer. A Palavra de Deus, à primeira vista, parece inadequada para essa ocasião porque fala justamente de divisões familiares que o projeto de Jesus provoca.

Precisamos, porém, compreender as palavras de Jesus no contexto de sua catequese: Ele quer conscientizar seus discípulos (as) que eles serão sinal de contradição num mundo que corre atrás de valores contrários ao Reino de Deus.

Esta Celebração que compartilhamos, foi enviada por Dom Vilson Dias de Oliveira, DC – Bispo da Diocese de Limeira.

 

HOMENAGEM AOS PAIS!

No próximo domingo vamos comemorar o Dia dos País. E o Blog da Catequese quer homenagear todos os pais que assumem com dignidade e compromisso essa vocação tão importante na obra da construção da humanidade.

E para fazer essa homenagem, vamos contar uma historinha, ou, como disse a pessoa que viveu esse acontecimento e dele nos deu seu testemunho, vamos contar um causo. Se vocês quiserem, podem aproveitar e ler esse causo na Missa de domingo, homenageando os pais.

SER INDISPENSÁVEL!

Um homem possuía uma bela família, vivia com sua esposa, casados há mais de quarenta anos, tinha filhos e filhas já formados, e alguns também já haviam se casado, e tinham os próprios filhos, netinhos queridos desse pai-avô.

Ele era sócio de uma pequena empresa, onde cuidava da administração, e da qual tirava o sustento da família.

Certo dia, ele foi visitar sua irmã que trabalhava como enfermeira na Santa Casa de Misericórdia. Ela, ao vê-lo caminhando, notou algo estranho e imediatamente pediu a um médico que estava de plantão para que o examinasse. Continue lendo

Agosto – Mês das Vocações

Maria Aparecida de Cicco

Durante o Ano Litúrgico, nós, cristãos católicos, fazemos uma peregrinação pelos caminhos de Jesus, para conviver com os eventos fundamentais da nossa fé e refletir sobre os ensinamentos e a pedagogia de Jesus. No segundo período do Tempo Comum, no calendário litúrgico, a Igreja estabelece a cada mês, reflexões específicas para o crescimento e amadurecimento da fé e do compromisso cristão.

Assim, no mês de agosto, somos convocados a refletir sobre “VOCAÇÃO”; no mês de setembro, vamos refletir sobre a BÍBLIA; e no mês de outubro, vamos refletir sobre “MISSÃO”.

Essas reflexões são fundamentais para todos nós, pois nos ajudam a fazer auto avaliação e renovar nosso compromisso de discípulos e discípulas do Senhor.

Para viver bem o mês de agosto, mês das vocações, a Igreja propõe a celebração de quatro vocações humanas fundamentais:

  • No primeiro domingo, vamos refletir sobre a Vocação Sacerdotal, vocação daqueles que se dedicam a servir à Igreja e ao Povo de Deus;
  • No segundo domingo, vamos refletir sobre a Vocação Familiar, vocação daqueles que se dedicam a formar uma família.
  • No terceiro domingo, vamos refletir sobre a Vocação Religiosa, vocação daqueles que se dedicam à Vida Religiosa Consagrada.
  • No quarto domingo, vamos refletir sobre a Vocação Batismal, vocação de todos os leigos e leigas, que pelo Batismo são chamados a fazer parte do Povo de Deus e que no Crisma recebem a unção do Espírito para viver a própria vocação no engajamento na comunidade. E esse engajamento se faz essencial no serviço pastoral e, de forma especial na Catequese. Continue lendo

Celebração para o “Dia do Catequista” – “Catequistas da Misericórdia: Para que todos se sintam amados, esperados e perdoados por Deus!”

Catequistas-da-Misericrdia_arteA Comissão Episcopal Pastoral para a Animação Bíblico-Catequética da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) disponibilizou uma sugestão de celebração para o Dia do Catequista, que será celebrado no dia 28 deste mês. “Catequistas da Misericórdia: Para que todos se sintam amados, esperados e perdoados por Deus!” é o título motivacional da celebração que apresenta reflexões sobre as obras de misericórdia e leituras com a temática na história do povo de Deus.

O material foi produzido pelo padre Rodrigo Ferreira da Costa, que atua em Alta Floresta, na diocese de Sinop (MT). O assessor da Comissão Episcopal para a Animação Bíblico-Catequética, padre Antônio Marcos Depizzoli, explicou que a celebração é fundamentada “de modo muito especial no Ano Santo da Misericórdia”, e que traz uma reflexão sobre as obras de misericórdia espirituais e corporais e outros aspectos do ano. Segundo padre Marcos, o subsídio deve ajudar “a rezar, a pedir a Deus que  agracie com o dom de viver cada dia o perdão, o amor, a paz os relacionamentos pessoais, familiares e, de modo muito particular a missão como catequistas”. 

CLIQUE AQUI para abrir a CELEBRAÇÃO DA MISERICÓRDIA COM CATEQUISTAS

Fonte: COMISSÃO PARA A ANIMAÇÃO BÍBLICO-CATEQUÉTICA DA CNBB